As antífonas do "Ó"

Atualizado: Jan 4

Os "Ó" são as grandes antífonas das vésperas dos sete dias anteriores à vigília do Natal: são assim chamados porque todos começam com a exclamação "O", seguida por um dos nomes divinos proféticos que anunciam a vinda do Messias, revelado no Antigo Testamento.


São muito antigas, pois já se encontram no antifonário gregoriano (atribuído a São Gregório Magno, Papa de Roma de 590 a 604). Mas, apesar do nome, este antifonário é certamente anterior a São Gregório e os textos litúrgicos são provavelmente do ou século.


Seu número tem variado, mas, no antifonário gregoriano, são 7, na seguinte ordem: "O Sabedoria", "O Adonai", "O Raiz de Jesse", "O Chave de David", "O Oriente", "O Rei das Nações", "O Emmanuel".


No manuscrito de Paris 2 (século XII), elas são 9 (incluindo "O Santo dos Santos", e "O pastor de Israel") e no manuscrito de St. Gallen (século X), são 12. Mas parece que o número 7 é o mais tradicional, pois é o adotado pelo Missal Romano, até a reforma litúrgica do Vaticano II (1965) que remove este tesouro do rito romano.


A oitava antífona


Quando foi necessário reconstituir um ano litúrgico ortodoxo de rito ocidental para as comunidades francesas (a partir de 1945), o bispo Jean de Saint-Denis fez questão de incorporar essas admiráveis ​​antífonas, que estão entre os mais belos textos litúrgicos do Ocidente latino, seguindo a ordem do antifonário gregoriano, e do qual compôs a melodia, que é original e particularmente festiva. Mas teve a brilhante ideia de acrescentar um oitavo nome, que é o cumprimento das profecias: "Ó Jesus", e escreveu uma oitava antífona, no mesmo modelo das outras, que é cantada no oitavo dia, ou seja, no dia 25 de dezembro (na verdade, na noite de 24 nas Vésperas, pouco antes da vigília de Natal).


Fonte: Center Béthanie. http://www.centrebethanie.org/2020/12/17-decembre-o-sagesse.html


#vésperas #antífonasdoó #advento2020

2 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo